quarta-feira, 14 de março de 2018

Alunos de Engenharia de Produção do IMEPAC Participaram da Palestra “De Nerd A Investidor” - Manoel Lemos

No dia 10 de março de 2017, o IMEPAC teve a honra de receber o renomado profissional Manoel Lemos para um bate-papo especial com os estudantes. Abordando o tema “DE NERD A INVESTIDOR: um pouco da minha história com a internet e a tecnologia”, Manoel partilhou com os alunos toda a sua trajetória, destacando que o sucesso e realização profissional são frutos de muito trabalho, dedicação e, principalmente, persistência.
Manoel Lemos cursou Engenharia de Computação na UNICAMP, passando também pelo Sloan Business School do MIT e Harvard. Atualmente, Manoel é sócio do fundo de investimentos do Redpoint e.ventures, o primeiro fundo de Venture Capital brasileiro patrocinado por empresas do Vale do Silício. Ele também é fundador e maker chefe do Fazedores.com, o primeiro portal dedicado à comunidade do Movimento Maker no Brasil. Anteriormente, foi Chief Digital Officer da Abril Media, o segundo maior conglomerado de mídia no Brasil; co-fundador da WebCo e fundador do BlogBlogs.
Natural de Araguari, o palestrante se emocionou com a oportunidade de voltar a sua cidade natal e conversar com jovens que vão seguir caminhos parecidos com os dele. “Estou muito feliz, pois meus pais e amigos de infância também estão aqui. Em todos os lugares que vou, faço questão de dizer que sou mineiro de Araguari.”
Desde muito cedo, Manoel mostrava certa inclinação para as áreas da tecnologia e computação. Seguindo essas duas paixões e acreditando no seu potencial, ele conquistou seu espaço, se tornando uma das maiores referências da tecnologia no Brasil. “Basicamente, hoje trabalho para ajudar outros empreendedores a construírem seus negócios. Não é porque você nasceu em uma cidade do interior de Minas que você não pode conquistar outros lugares. Tudo é possível quando se quer!”, destacou.
O profissional enfatizou, ainda, sobre a necessidade de se empreender. “Quando me formei, uma grande parte dos alunos queriam prestar concurso devido à estabilidade financeira.  No entanto, hoje, a maioria dos estudantes das escolas de engenharia  querem se formar para empreender. Claro que precisamos de bons profissionais no serviço público,  mas acredito que o empreendedorismo pode mudar vidas e uma nação empreendedora avança mais rápido.”
Ao final da atividade, Manoel alertou os alunos a estarem abertos a mudanças. “Eu fui para a Unicamp querendo trabalhar com computação gráfica e, quando cheguei lá, vi que minha área não era essa, mas sim redes, internet, etc.” Além disso, ele aconselhou os discentes a remarem contra a corrente e aguçarem a curiosidade ao longo de todo processo. “Não precisa ser tão obediente. Temos que desafiar o status quo e querer que as coisas mudem”, finalizou.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Registre aqui o seu comentário.